PT | EN

3 Fatores a ter em conta no Transporte Multimodal

Publicado por: Rui Pinto em 28/jul/2016 16:01:24

3 Fatores a ter em conta no Transporte MultimodalCom o desenvolvimento dos transportes internacionais, as empresas transitárias aliaram ao seu papel tradicional de agentes, a função de operadores de transportes multimodais, passando a enfrentar maiores desafios e responsabilidades acrescidas.

Por definição, empresas de transportes e logística que operam como transportadores multimodais, atuam não apenas como agentes, mas como principais responsáveis pela coordenação e a gestão das movimentações, dos transbordos e dos diversos modos envolvidos durante todo o processo.

Assim sendo, há alguns fatores que devem ser tidos em consideração na prestação de serviços de transporte multimodal:

Em primeiro lugar, uma vez que a empresa transitária é responsável pelo acompanhamento de todo o processo físico e administrativo, torna-se fundamental possuir uma rede sólida de Agentes internacionais que podem garantir a otimização e o sucesso do transporte.

A comunicação é outro fator de extrema importância. Dentro da rede de Agentes, as diversas partes envolvidas realizam constantes processos de verificação, transferência, receção, processamento e apresentação de uma enorme quantidade de informação relacionada com as mercadorias, o transporte e o seu pagamento. Por este motivo, os operadores de transportes multimodais têm de ser capazes de rastrear as cargas e controlar os seus fluxos, sendo uma ferramenta essencial o desenvolvimento de um sistema de comunicação confiável.

Outro aspeto essencial que deve merecer a especial atenção dos prestadores de serviços multimodais, é o envolvimento de recursos humanos altamente especializados em transportes internacionais, capazes de organizar e coordenar todas as etapas necessárias, para garantir a conformidade da carga e do transporte com as regulamentações impostas pelas diversas entidades envolvidas em todo o processo de trânsito.

O transporte multimodal é, sem dúvida, um serviço complexo e exigente, que deve ter sempre por base o triângulo de valências: equipa experiente, comunicação eficaz e boas relações internacionais, para poder garantir o melhor serviço, satisfazendo assim as expectativas dos clientes.

Artigos relacionados:  

O que é o Transporte Multimodal 

Gestão de Transportes e Logística: Os Grandes Desafios 

Autor: Rui Pinto

Rui Pinto é atualmente Diretor Operacional da Multicargo, supervisionando todas as operações da empresa e contribuindo para o desenvolvimento de novos serviços e soluções à medida dos clientes da empresa. É colaborador da Multicargo desde o seu início, em 2010.

Tópicos: Transporte Multimodal